As imagens são meramente ilustrativas. No caso dos vinhos safrados, a safra mostrada no rótulo da imagem pode não corresponder ao ano de fabricação do vinho. Beba com responsabilidade. A venda de bebidas alcoólicas é proibida para menores de 18 anos. Dirigir sob a influência de álcool configura delito, passível de sanção penal.

A união da famosa vinícola francesa Baron Philippe de Rothschild com a gigante chilena Concha Y Toro deu origem a este, que é um dos vinhos mais prestigiados do Novo Mundo. Almaviva Epu é um rótulo de qualidade ultrapremium, inspirado na cultura dos ancestrais chilenos Mapuche e considerado por muitos o melhor vinho elaborado no Chile.

Tinto rico em aromas, apresenta notas de frutas como groselha negra, cereja e amora, sobre toques de chocolate amargo, tabaco, anis e caramelo, além de traços minerais. Em boca é encantador, sedoso, fresco, com corpo entre médio e encorpado, mostrando uma deliciosa integração entre os aromas frutados e os provenientes do carvalho, com longo final. Epu significa o número dois, na língua do povo Mapuche, o que se justifica pelo fato deste vinho ser elaborado conforme o mesmo conceito dos segundos vinhos dos renomados châteaux franceses, tendo suas uvas provenientes do mesmo vinhedo do Almaviva. Trata-se de um exemplar de raro refinamento, e extremamente exclusivo devido a sua produção limitada.

Almaviva EPU

R$429,50
Esgotado
Almaviva EPU R$429,50

A união da famosa vinícola francesa Baron Philippe de Rothschild com a gigante chilena Concha Y Toro deu origem a este, que é um dos vinhos mais prestigiados do Novo Mundo. Almaviva Epu é um rótulo de qualidade ultrapremium, inspirado na cultura dos ancestrais chilenos Mapuche e considerado por muitos o melhor vinho elaborado no Chile.

Tinto rico em aromas, apresenta notas de frutas como groselha negra, cereja e amora, sobre toques de chocolate amargo, tabaco, anis e caramelo, além de traços minerais. Em boca é encantador, sedoso, fresco, com corpo entre médio e encorpado, mostrando uma deliciosa integração entre os aromas frutados e os provenientes do carvalho, com longo final. Epu significa o número dois, na língua do povo Mapuche, o que se justifica pelo fato deste vinho ser elaborado conforme o mesmo conceito dos segundos vinhos dos renomados châteaux franceses, tendo suas uvas provenientes do mesmo vinhedo do Almaviva. Trata-se de um exemplar de raro refinamento, e extremamente exclusivo devido a sua produção limitada.